Dicas Farmacêuticas

Hepatite C: Anvisa alerta sobre medicamento falsificado.

Hepatite C: Anvisa alerta sobre medicamento falsificado.

Uma falsificação do medicamento Harvoni, da empresa Gilead Sciences Farmacêutica do Brasil, circula no país. Veja como distinguir a versão original do produto. A Anvisa informa que está circulando no país uma falsificação do medicamento Harvoni, da empresa Gilead Sciences Farmacêutica do Brasil Ltda., indicado para o tratamento da hepatite C crônica (HCC) genótipo 1. A versão falsificada identificada no Brasil tem o rótulo em alemão, com o número de lote 16UCKT35D5 e comprimidos na cor rosa ou branco.  Saiba diferenciar os medicamentos, entenda agora Por outro lado, a versão ORIGINAL do Harvoni é Continue lendo

Confira, agora os 14 princípios da farmacologia.

Confira, agora os 14 princípios da farmacologia.

Princípios da Farmacologia. Vamos relembrar a nossa Farmacologia ? Tenho uma entrevista muito interessante com um colega de Profissão que atua na área, confira. Farmacologia é a ciência que estuda os medicamentos e a interação de substância químicas com os sistemas biológicos. Vale lembrar que o primeiro registro 1.600 a.C em Papiro Smith, egípcio. Existem relatos que referentes a preparos de uso de medicamentos (BREASTED, 1930; ELDIN & DUNFORD, 2011) Fármacos provocam modificações em locais, sítios, biofases ou receptores específicos localizados nas células ou no Continue lendo

Ótima notícia no CRF para nós!

Ótima notícia no CRF para nós!

Muito boa a iniciativa do Conselho Regional, em oferecer live técnicas para nós, durante esse caos. As live serão transmitidas pelo Canal no YouTube, ficaram salvas para serem vistas posteriormente. Quem não puder assistir no horário, poderá ver a live salva! Segue agora a agenda das lives. 19/05 – 16h –  Testes Rápidos para Covid-19 em Farmácias e Drogarias    Farm. Flávia Gomes (Consultora farmacêutica especialista em montagem de consultório) 21/05 – 16h – Ozonioterapia na Farmácia Estética: aspectos técnico e legais    Farm. Maykon Ribeiro, de Continue lendo

Um caso de diabetes de difícil controle.

Um caso de diabetes de difícil controle.

A diabetes autoimune latente do adulto caracteriza-se por um aparecimento em indivíduos na quarta e quinta décadas de vida e não-obesos.1-2 O IMC destes doentes é por norma mais elevado que o daqueles com diabetes mellitus (DM) tipo 1, mas inferior ao dos doentes com DM tipo 2. A nível global, entre 4 a 14% dos doentes diagnosticados com DM tipo 2 apresentam LADA. No norte da Europa, cerca de 7 a 14% apresentam anticorpos anti-GAD positivos, sendo que no Sudeste Europeu, Ásia e América Continue lendo

Confira a dispensação Digital (TELEMEDICA).

Confira a dispensação Digital (TELEMEDICA).

Quais os medicamentos que podem ser dispensados com a apresentação da Receita Digital. Dispensação Digital Podem ser dispensados (DIGITAL) Medicamentos sob prescrição em receita simples Medicamentos isentos de prescrição (MIP’s) Antimicrobianos Lista C1 e C5 Adendos das Lista A1, A2 e B1 Não podem ser dispensados (DIGITAL) Notificações de Receita A1 (NRA), B1 e B2 Notificações de receita especial para talidomida e para retinoides de uso sistêmico Tudo que você, farmacêutico, precisa saber sobre a prescrição digital. A rotina dos brasileiros está cada vez mais Continue lendo

O papel da Vitamina C sobre as alterações Orgânica em Idoso.

O papel da Vitamina C sobre as alterações Orgânica em Idoso.

INTRODUÇÃO As mudanças no perfil epidemiológico e na estrutura etária (idoso) da população continuarão aceleradas no primeiro quartil do século XXI, período em que as projeções têm indicado que o segmento populacional que compõe a terceira idade será bastante substancial. No ano 2 025, a população com idade ³ 60 anos terá crescido drasticamente, tanto em países desenvolvidos, quanto naqueles em desenvolvimento, impondo a criação ou adaptação de modelos assistenciais integrados para atender às demandas que o envelhecimento populacional requer (Sayeg, 1996). De acordo com Continue lendo

Toxicidade da Vitamina D.

Toxicidade da Vitamina D.

O outro lado do tratamento com vitamina D Estima-se que 1 bilhão de pessoas em todo o mundo são deficientes ou insuficientes em vitamina D.1 Essa estatística impressionante é também preocupante, pois a vitamina D é indispensável à saúde humana. De fato, o acúmulo de evidências experimentais, observacionais e epidemiológicas vinculou baixos níveis de vitamina D a vários desfechos adversos à saúde, como mortalidade por todas as causas, doenças cardiovasculares, densidade óssea reduzida, risco de fraturas, síndrome metabólica, malignidade, condições autoimunes, e infecções.2 Além disso, Continue lendo